Argentina relata primeiro caso de zika sem antecedentes de viagem ao exterior

A Argentina relatou nesta sexta-feira o primeiro caso de zika em um paciente que não viajou para o exterior e cujo contágio supostamente teria ocorrido por transmissão sexual – relatou uma fonte da área de saúde.

“É uma mulher adulta que vive na capital de Córdoba (centro da Argentina) e não registra antecedentes de viagem”, disse o ministro da Saúde da província, Francisco Fortuna, ao canal de televisão TN.

Segundo explicou, há a possibilidade deste contágio ter ocorrido por via sexual.

“É diagnosticado clinicamente e através de laboratório a presença da zika com o antecedente de ter havido contato sexual com um homem de Córdoba que esteve na Colômbia, onde foi diagnosticado com zika”, explicou.

Os dados clínicos “levam a defini-lo como um caso autóctone com provável transmissão sexual, enquanto continua a investigação sobre o caso”, disse.

Como indicado, “tanto os homens como as mulheres estão em perfeito estado de saúde e têm feito os controles necessários”.

“Continuamos os protocolos de controle de foco, não tivemos nenhuma notícia até agora e já passou o período da epidemia tanto no homem quanto na mulheres”, disse.

Até agora, cinco casos de zika foram registrados na Argentina, todos eles de pacientes que retornaram recentemente do exterior. Os casos de dengue, contudo, são contabilizados na casa dos milhares e as principais províncias afetadas são Misiones e Formosa, no nordeste do país, na fronteira com o Paraguai e no Brasil, onde é endêmica.

A epidemia de zika, que se desenvolve especialmente na América Latina, “pode piorar antes que fique melhor”, disse na quarta-feira no Rio de Janeiro a diretora-geral da OMS, Margaret Chan.

O vírus da zika está associado com o nascimento de crianças com microcefalia.

O responsável pela transmissão é o mosquito Aedes aegypti, que também transmite a dengue, a febre amarela e a chikungunya.

Fonte: https://br.noticias.yahoo.comZica VírusZica Vírus

Carlos Castro

Postado por: Carlos Castro

Comentários

*os comentários aqui apresentados não representam a opinião do Portal JVD

Deixe uma resposta